Com 892 notificações de Dengue e 9 de microcefalia, ST reúne forças contra mosquito

O perigoso mosquito Aedes aegypti, transmissor das febres Amarela e Chikungunha ,  da Dengue e, agora, do Zica Vírus, causador da microcefa...

O perigoso mosquito Aedes aegypti, transmissor das febres Amarela e Chikungunha, da Dengue e, agora, do Zica Vírus, causador da microcefalia em fetos, vai enfrentar nos próximos dias, uma grande rede de combate que vem sendo planejada para evitar a proliferação e fortalecimento do inseto em Serra Talhada. A Secretaria Municipal de Saúde já está traçando um plano ousado que contará com o apoio da população e instituições públicas e privadas, mobilizando todos em torno de um único objetivo: evitar que a cidade sucumba à ação nefasta do Aedes, que tem assombrado o país inteiro e atingido de forma preocupante cidades vizinhas a Serra Talhada como Custódia e Arcoverde.
O cenário é mesmo de alerta. Para se ter uma ideia, a Secretaria Municipal de Saúde já notificou 892 casos de Dengue na Capital do Xaxado este ano, com 270 exames laboratoriais confirmados e 139 vinculados à doença. De setembro para cá, os casos suspeitos de microcefalia subiram para nove e a tendência é aumentar se ações não forem tomadas. “Estamos correndo contra o tempo e por isso começamos a preparar um plano que mobilize o máximo de secretarias para que elas também ajudem a nossa pasta com orientações em todos os bairros da cidade”, anunciou o secretário executivo de Saúde, Aron Lourenço, em conversa com o FAROL. Ele adianta que o plano quer contar com ajuda dos moradores e deve ser lançado, oficialmente, nas próximas semanas.
“Vamos também oferecer capacitações para a população de cada bairro, contando com voluntários que receberão treinamento como recebem os agentes de saúde. O nosso intuito é poder traçar um grande diagnóstico da ação do mosquito em Serra Talhada e a partir daí, saber onde podemos atuar com mais força”, detalhou Aron, que já começou a mobilização. Na noite dessa quarta-feira (2), o secretário esteve reunido com empresários locais, na sede da CDL (Câmara de Dirigentes Lojistas), explicando o cenário preocupante porque passa o município e convocando todos para a batalha contra o mosquito Aedes aegypti. “Precisamos de todos mobilizados para darmos realmente um basta a isso”, disse Aron.
PLANO
No plano que vem sendo traçado, a Secretaria de Saúde almeja, no tempo previsto de uma semana, mapear o perfil epidemiológico de Serra Talhada para então começar as ações de prevenção e monitoramento ao Aedes aegypti. Entre as ações, a pasta deve contar com a articulação das demais secretarias de governo e outras entidades ajudando na divulgação e mobilizando moradores para se engajarem na campanha. Voluntários ganharão capacitação própria aos agentes de saúde municipais com foco em inspeção domiciliar. A campanha visa estimular a vigilância levando também a discussão sobre a alta periculosidade do mosquito para além dos muros das casas.
DENGUE

Matérias relacionadas

destaque 1411048562456993544

Postar um comentário

emo-but-icon

Rádio Cidade Mix Ao vivo


(Clique no play para ouvir)

Curta nossa Fanpage

WhatsAPP BLOG ELIAS PUBLICIDADES

WhatsAPP BLOG ELIAS PUBLICIDADES

Parceiros

Brasileirão 2017

https://www.tabeladobrasileirao.net/serie-a/widgets/

Grande Serra

Grande Serra

CSB

CSB
A FABRICA DE EVENTOS

Total de visualizações de página

Apoio Secretário de Agricultura

Apoio Secretário de Agricultura
Cleiton Beijamim

Vereador Arnaldo de Zé de Bia

Vereador Arnaldo de Zé de Bia
item